BNB tenta excluir trabalhadores de Conselho

04 de Maio de 2022

Depois de tentar impedir a participação de funcionários que sejam dirigentes de entidades de representação de trabalhadores, o Banco do Nordeste (BNB) foi obrigado pela Justiça a realizar nova eleição para seu Conselho de Ética. Pelo regulamento da eleição anterior, Reginaldo Medeiros, conhecido como Reginaldo da AFBNB, diretor Regional da Associação dos Funcionários do BNB (AFBNB), estava impedido de concorrer a uma vaga.

Com a determinação judicial,  que reconheceu a manobras para impedir a representatividade dos trabalhadores, com regras ilegais em regulamentos e estatutos, o que tem sido comum em patrocinadoras e fundos de pensão, ele pode se candidatar no pleito, que ocorre de 9 a 13 de maio.

 

Whatsapp