Leia aqui documento aprovado pelas entidades durante o seminário de saúde

30 de Outubro de 2020

Os representantes de entidades que congregam usuários de planos de saúde de autogestão, reunidos no dia 29 de outubro de 2020, manifestam sua profunda preocupação com a tentativa de extinção dos planos de assistência à saúde de autogestão dos trabalhadores das empresas públicas federais, traduzida nas resoluções números 22 e 23 da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração da Participações Societárias da União (CGPAR), normas que impõem sérias restrições à destinação de recursos das empresas com a assistência à saúde dos empregados, e que algumas empresas já começam a implantar, transferindo, em pouco tempo, todos os custos de tratamentos de saúde aos titulares. Clique aqui para ler o documento na íntegra e compartilhe

Whatsapp