Notícias

Anapar elabora propostas sobre previdência para desenvolvimento do país

A Anapar elaborou um conjunto de propostas para apresentar aos governantes e legisladores eleitos que devem definir os rumos do país pelos próximos 4 anos. O objetivo da publicação Previdência Complementar e a Retomada do Crescimento Nacional é mostrar que as previdências social e complementar são motores para o desenvolvimento econômico do país.  No Brasil, cerca de 35 milhões de ... Leia Mais »

Repudiar o fascismo nas urnas e nas ruas, fortalecer as resistências e preparar-nos para enfrentar os ataques que teremos pela frente

Em função da dramaticidade dos acontecimentos, e das dificuldades de se fazer análises mais precisas dos cenários econômicos, boa parte da população está depositando quase todas as suas fichas na “magia” das eleições. É como se as eleições, por um processo de encantamento, fossem interromper todos os ataques que os trabalhadores estão sofrendo, e começar imediatamente após o pleito, a ... Leia Mais »

O programa de guerra contra o povo do candidato Bolsonaro

*José Álvaro de Lima Cardoso Se o candidato fascista Jair Bolsonaro se eleger, os golpistas terão conseguido, através de um processo fraudado, institucionalizar, e praticamente “fechar”, o golpe de Estado de 2016. Corremos o risco, ademais, do processo eleger Bolsonaro com folga, o que será acachapante para as forças democráticas. Seria de fato desmoralizante eleger um fascista, antipovo e antiBrasil, ... Leia Mais »

Análise de conjuntura e correlação de forças

*José Álvaro de Lima Cardoso A análise de conjuntura é uma espécie de jogo de xadrez, onde os jogadores são, ao mesmo tempo, peças que compõem o tabuleiro. Na vida econômica, política e social, real, as jogadas realizadas têm consequências diretas sobre os protagonistas do jogo. Por isso não existe neutralidade na análise. Toda análise persegue algum objetivo determinado, não ... Leia Mais »

Diretoria da ANAPAR se manifesta sobre as Eleições 2018

Por uma nação mais justa e solidária A nação brasileira está numa encruzilhada. Nesta eleição presidencial a população vai escolher entre o caminho da obscuridade, do retrocesso e dos ataques aos trabalhadores ou a vereda da civilização e do respeito aos direitos dos cidadãos. A escolha do caminho vai determinar o futuro da previdência pública e complementar. 35 milhões de ... Leia Mais »

A relação entre soberania nacional e direitos da população

*José Álvaro de Lima Cardoso O golpe veio para liquidar qualquer resquício de soberania no Brasil, como mostram os vários exemplos: a) o caso da venda da Embraer, que, vendida a preço de banana, irá virar uma divisão da Boeing. Apesar de dispor de poder para tanto, o governo dos golpistas não irá vetar o negócio, porque está a serviço ... Leia Mais »

Aprovado prazo maior para equacionamento nos fundos de pensão

A partir de janeiro de 2019, os fundos de pensão poderão estender o período de equacionamento dos deficits nos planos considerados “em extinção”, ou seja, aqueles que não podem mais receber novos participantes. Na manhã desta quarta-feira (10), o Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC) aprovou, por unanimidade, as alterações de regulamentação que consolidam as resoluções nº 18 e 26 ... Leia Mais »

Abertas as inscrições para o XV Seminário de Participantes dos Fundos de Pensão – Regional Rio Grande do Sul

Estão abertas as inscrições para o XV Seminário de Participantes dos Fundos de Pensão – Regional Rio Grande do Sul. O evento promovido pela Anapar está marcado para 8 e 9 de novembro, em Porto Alegre. Serão dois dias de painéis com debates sobre os cenários econômicos nacional e internacional, perspectivas de futuro para a previdência complementar fechada e um ... Leia Mais »

O caminho mais curto para a barbárie

*José Álvaro de Lima Cardoso Um dos aspectos que têm influenciado as negociações coletivas neste momento é a inflação, que está relativamente baixa, em torno de 4% no ano. Em princípio, percentual baixo de inflação facilita ganhos reais, apesar da resistência patronal. Por experiência, em mesa de negociação sabe-se que, com uma inflação em torno de 10%, por exemplo, é ... Leia Mais »

Para a luta não há contraindicações

*José Álvaro de Lima Cardoso As políticas adotadas no Brasil até 2016 (que aliás foram, em boa parte, as motivações do golpe), mesmo que moderadas, foram muito importantes para a melhoria de vida da população. Os ganhos reais do salário mínimo, a melhoria da distribuição de renda, a expansão da rede de ensino público, a ampliação dos gastos com saúde ... Leia Mais »

Scroll To Top