Serpros: Contribuição administrativa volta a ser cobrada

De: 1 de abril de 2014 Clipping

Para cobrir os
custos administrativos dos planos de benefícios, o SERPROS voltará a cobrar uma
taxa de carregamento aos participantes a partir de 1º de abril de 2014. O valor
será de 3,75% sobre as contribuições dos participantes e
patrocinadores.

Desde a sua fundação até 2007, o SERPROS cobrava 15%
de taxa de carregamento. Em 2007, reduziu o percentual para 10% e a partir de
2010 isentou temporariamente os participantes dessa taxa, devido ao acúmulo e a
rentabilidade do fundo administrativo, que cobria integralmente as despesas da
entidade nos últimos quatro anos.

A taxa de carregamento é
praticada no mercado de previdência complementar de acordo com a legislação.
Como os demais fundo de pensão, o SERPROS é uma entidade sem fins lucrativos.
Toda a rentabilidade alcançada pelos investimentos é revertida para os
participantes, contribuindo para o crescimento do seu patrimônio. Porém, como
qualquer empresa, precisa honrar os compromissos que mantêm o funcionamento de
sua estrutura.

DISTRIBUIÇÃO DE SUPERÁVIT

Como divulgamos
anteriormente, o PS-II fechou o ano de 2013 superavitário, acumulando resultados
positivos por três exercícios consecutivos e distribuirá parte desses recursos
ao longo desse ano, conforme previsão legal.

A forma como a
distribuição será realizada ainda está em fase de análise. Após a conclusão dos
estudos, a medida ainda precisa ser aprovada pelos órgãos competentes.
(Serpros/AssPreviSite)

Scroll Up